Tratamentos

Carótida

O que é o AVC?

O Acidente Vascular Cerebral (conhecido como AVC) é o desenvolvimento súbito de sintomas provocados pela interrupção da oferta de sangue a determinada área do cérebro.

Os acidentes vasculares podem ser isquêmicos (quando há o fechamento de um vaso sanguíneo) ou hemorrágicos (caso o vaso sanguíneo se rompa).

Como ocorre o AVC?

Os principais fatores de risco para o desenvolvimento do AVC são: envelhecimento, sexo masculino, hipertensão arterial sistêmica, histórico familiar, fibrilação atrial, tabagismo, sedentarismo, diabetes mellitus e obesidade.

A carótida é a artéria responsável pela oferta de sangue para o cérebro, que percorre os dois lados do pescoço e estende-se até o interior do crânio.

A presença de placa aterosclerótica na carótida é um fator de risco, pois pode prejudicar o fluxo sanguíneo, e deve ser tratado, para evitar o AVC.

Como tratar a doença aterosclerótica da carótida?

O exame de doppler é uma forma de diagnosticar a doença aterosclerótica da carótida. O tratamento da doença pode ser feito por meio de cirurgia da endarterectomia ou angioplastia.

A cirurgia de endarterectomia da carótida envolve a remoção da placa aterosclerótica da artéria, restabelecendo o fluxo sanguíneo para o cérebro.

A cirurgia de angioplastia carotídea é realizada através do implante de um stent no interior da placa carotídea, seguida de dilatação da mesma, garantindo o restabelecimento do fluxo sanguíneo para o cérebro.

A definição do tratamento é feita de acordo com as características individuais do paciente.

Open chat
Em que podemos ajudar?